terça-feira, 8 de julho de 2008

Quem te avisa...

Não sei se ainda passa na TV, mas na RTP 2, num dia qualquer à noite, dava (ou ainda dá) um programa de stand-up chamado "Sempre em Pé". Bom, alguém teve a ideia brilhante (e aqui a palavra chave é brilhante), de convidar o extremamente conhecido humorista Sá Leão, o produtor de autênticas pérolas da comédia como por exemplo "Eu, o meu marido e Sá Leão", "Stripper Portuguesa", e o meu favorito, "Badalhocas, engates de rua". Isto é uma piada, pois como toda a gente sabe ele não é comediante. Ele é plastificador de documentos e estes filmes são documentários.
Tudo o que é a seguir relatado é a mais pura das verdades. Ele salta para o palco, e faz uma espécie de dança obscena, que se assemelhou bastante a um gorila com cãibras. O tema sobre o qual ia falar para mim não foi surpresa: aconselhamento conjugal. Sendo ele plastificador de documentos está mais do que creditado e certificado pela Universidade da Vida para falar deste assunto. A actuação dele consistia no seguinte: abanar-se mesmo muito e falar muito alto. Não obstante esta técnica soberba, resolveu apimentar o discurso, obrigando, literalmente, um casal a subir ao palco. Puxou-os mesmo. Pelos braços. Enquanto se abanava e falava mesmo muito alto. Bom, e isto para o quê? Para eles ficarem lá de pé a beira dele, enquanto ele acabava de contar a sua anedota e de dar o dito aconselhamento. Eu acho esta técnica fantástica, para não dizer mesmo atroz. Criou suspense ao ponto de quase se ouvir as pessoas a pensar,mas os dois ouvintes (que, acho seguro afirmar, já ganharam o céu), ficaram lá especados, apenas a levar com o tapete que ele trazia enrolado na cabeça. Lá pelo meio ainda fez uma piada qualquer alusiva a filmes pornográficos que eu não percebi, não faz nada o seu género. Quando acabou, mandou-os sentar e voltou a ter cãibras ou espasmos, não sei porque não sou veterinário. Rematou com um conselho/verdade universal que ditava: as mulheres chateam os homens e eles por sua vez não satisfazem sexualmente as mulheres, exceptuando ele.
E foi assim que me ausentei para o Tibete durante um mês, a fim de tentar aprender técnicas avançadas de auto-hipnose, com vista a bloquear ou recalcar aqueles 15 minutos da minha existência, que foram tão agradáveis como ser debulhado por uma ceifeira conduzida pela minha Prof. de Francês do 7º ano. E antes que me digam "és um asno, mudavas de canal", respondo já: impossível. O mesmo se passa quando vemos aquelas pessoas na rua com seis braços, quatro orelhas ou duas pernas: sabemos que não devemos olhar, mas é impossível não o fazer.
Qualquer conselho conjugal proveniente de um realizador de filmes pornográficos, e ainda para mais vindo do sobredito, eu acolhia-o com EXTREMA precaução e uma vacina contra o tétano.

"Nunca vivi um grande amor." Sá Leão in "Nova Gente", Janeiro de 2006

"Faz uma cena dos teus filmes que dure mais do que 20 minutos." André Costa in "Teme os Ninjas", Julho de 2008

4 comentários:

Snoopy disse...

Bem, o Sá Leão de facto tem varias parecências com um gorila com caimbrãs! eu até aposto q o nome artistico dele "sá leão", foi literalmente escolhido a dedo! pq atentem bem neste pormenor, pq axo q ele tb entra em filmes ou ja entrou, e vamos imaginar q ele la estava no bem bom, no quentinho dos entrefolhos(lol) a azucrinar akilo tudo, e como ele n deveria ter a condição e performance fisica necessaria(talvez como o Ninja afirmou e bem, por causa das caimbrãs nas pontas dos dedos(esta ultima parte dos dedos ja fui eu a abacalhar)ele escolheu e reparem bem na perspicacia deste HOME! Sá Leão!! pq ele la no esbirinights com a babe, ela ia chamar plo nome dele, e experimentem dize-lo alto e com akela voz afectada(..voces perceberam kual o tipo de voz! ahhh! e n q eu tenha experimentado isso claro.lol)..pois é..!! Eu avisei! o homem tem uma inteligencia afiadissima! Pois parece q a senhora extremamente respeitosa q esta com ele esta a dizer "AAHH LEÃAOOO"!! Ninja, gostei do post! principalmente da referencia à Mafalda(a prof de francês 7º ano)! saudações Snoopyanas

Salto-Alto disse...

LOL
Pronto, passou este a ser o meu post preferido!! Não sabia que era possível a junção do nome "Sá Leão" e do adjectivo "humorista" na mesma frase!!! adorei mesmo!!!

pensamentovadio disse...

o texto tá genial sendo k se juntares uma imaginação fertil e pensares num tapete enrolado nakela cabeça, ele manuseando os seus instrumentos de plastificador de documentos e a ter espasmos (axo k ele tem espelhos por perto kd trabalha) garanto k dá um filme engraçado!!
mas jamais digno de um humoristas como e conhecidissimo Sá Leão! :)

Anónimo disse...

Sim, provavelmente por isso e